sábado, 1 de agosto de 2009

QUANTO MAIOR O DISCURSO, MAIOR O DISFARCE

Essa frase, podia ser dita de várias formas, com vários outros sinônimos. "...mas quando derdes esmolas, que não saiba a vossa mão esquerda o que faz a direita. Para que a esmola fique escondida, e vosso Pai que vê o que vós fazeis em secreto, vos pagará.." são palavras de Jesus no livro de Apóstolo Mateus. E se buscarmos a história, ela está recheada de provas, onde a ação fala muito mais do que palavras.

Mas me refiro hoje, nas ações que se ligam a relacionamentos amorosos, profissionais e sociais. Houve-se muito em todas essas áreas, diversos discursos que são feitos puramente como maquiagem para esconder a ação que não existe. Isso porque quando existe ação, dispensa-se a necessidade do discurso.

Você já deve ter visto pessoas que parecem papagaio: fala, fala, fala mas não se vê nenhuma produção em suas ações. Trata-se de uma pessoa, que tem muita teoria pra justificar ou para deixar ser visto no que se refere às suas ações. O curioso é perguntar: Porque é necessário o discurso para que as pessoas possam ver? As ações, essas sim, quando existem são inegáveis.


Aquele que fala aos quatro cantos que ama muito, dificilmente ama e se ama é numa escala bem menor. Aquele que diz que é o melhor amigo do mundo, deixa muito a desejar no papel de um amigo verdadeiro. Quem discursa demais que é fiel e exige isso demais, provalmente não conhece ao certo o que é fidelidade. Aquele que condena e exclui um homoafetivo, por exemplo, é importante lhe perguntar quanto de homoafetividade existe nele.

Não estou sendo generalista, estou apenas dizendo que, em todos os casos que vemos esse tipo de comportamento, resulta em uma ação totalmente oposta. Quero dizer que é possível encontrar mal pagador que é muito solícito para cobrar aquilo que ele emprestou.

Quando pensamos na ação, descartamos o disfarce. Isso significa dizer, que aquele que está disposto a amar, ama mesmo. Aquele que é amigo de verdade, não vai faltar na necessidade. Aquele que sabe o que é fidelidade, vai ser fiel quando colocado à prova e o bem resolvido sexualmente, não condena ninguém. Quem de fato é algo, apenas faz. As ações não deixam o discurso vazio. Na vida, o discurso devia ser feito por conta das obras e não sem o acontecimento delas.

O que é mais falho em comportamentos assim é que o discurso se torna cansativo e enfadonho, porque nunca ninguém vê as obras. Quando elas acontecem, há sempre a necessidade do discurso e isso cansa também. E como Ele mesmo disse: "Faça com uma mão de modo que a outra não veja", ou seja, ame, seja amigo, seja fiel, nao discrimine e isso por si, já é o grande discurso que nos prende.


Paulo Veras é psicólogo clínico e organizacional, psicanalista, especialista em educação especial e inclusiva, especialista em docência do ensino superior e professor universitário em Goiânia-GO. 

16 comentários:

Paulo Braccini disse...

perfeita, pertinente e oportuna sua análise sobre o discurso e a ação ... com toda certeza as palavras podem ser bonitas e convincentes mas, são as ações e que arrastam ... só que falar é muito mais fácil que agir e tb impressiona bem satisfazendo de imediato ao ego do ser ... enfim ... agir mais . falar menos ... isto é o que o Homem precisa aprender e assim poder ser um verdadeiro SER.

bjux

;-)

Anônimo disse...

A lei moral, ou «imperativo categórico», foi formulada por KANT nos seguintes termos: «Actua de modo que a tua conduta possa valer como príncipio de uma legislaçao universal».

Seguindo este "imperativo categórico" deixaria de existir contradição entre a conduta de cada um e as condutas de todos os outros.
Isto porque o "imperativo categórico" acabaria por coincidir com o dever moral concebido por todos os sistemas éticos, num pressuposto de respeito, ou de amor, do próximo, de todos os semelhante.
Mas, o "disfarce" do homem foi longe demais. Tão longe que hoje o homem "fabrica" discuros - mesmo que desprovidos de qualquer sentido ético - segundo a lógica da sedução, a fim de alcançar os seus objectivos.
Este homem "novo" não tem alma. Tem, isso sim, um lado predador.

Abraço

Paulo

Lucad disse...

E agora?

Eu espalhei pra todo mundo que te amo. Que voce é especial e necessário para uma centena de gente. Que você é o amigo que todo mundo deveria ter. Que com você, jamais um tempestade será feita apenas com um copo d'agua etc.

(risos).

Belo post.


Abç grande

Paulo Braccini disse...

tem um selo para vc no meu blog, caso queira compartilha-lo...

bjux

;-)

james p. disse...

Paulo,tenho um selo para você lá no meu blog.Espero que goste(rs)
Abraços.

Romeu disse...

A BUSCA
DE UM
VERDADEIRO
AMOR
É
IGUAL A
BUSCA DO
ELO
PERDIDO
DA
HUMANIDADE
Bom inicio de semana
um abraço

Denise disse...

É quando as ações não confirmam as palavras todo o resto se perde.
Estava com saudades daqui e de vc

carinho
Denise

O Iluminado disse...

"aquele que está disposto a amar, ama mesmo. Aquele que é amigo de verdade, não vai faltar na necessidade. Aquele que sabe o que é fidelidade, vai ser fiel quando colocado à prova e o bem resolvido sexualmente, não condena ninguém."

Concordo, quem fala muito faz pouco isso é verdade!

Boa sexta pra ti amigo!

AC Rangel disse...

Paulo, seu texto exprime a mais absoluta verdade. Lamentavelmente. E quantas pessoas têm este comportamento. E muitas, pior ainda, não querem apenas que "uma mão não veja o que faz a outra". Eles querem que ninguém veja o que a mão deles faz...
Parabéns pelo texto.
Abraço.

Rangel

Jay e Alê disse...

Oi Paulo,

Vi seus comentários nos últimos post do Ká Entre Nós. Passei por momentos dificieis e ainda estou passando, problemas de saúde. Mas estou ficando bem. Vc esta vindo a Bsb? Quando? vem pra onde e por quanto tempo?
Abraço.
Jason

Angel disse...

Olá Paulo vim aqui agradecer pelo teu comentário la no meu blog
eu mesmo sou uma pessoa que sem bebida não consigo me divertir em uma festa
tu estas coberto de razão
obrigado mais uma vez e vou seguir teu blog
abraços e um ótimo domingo
se for pai
Feliz dia dos pais se não for ta valendo mesmo assim

@philipsouza disse...

com certeza...muitos falam poucos fazem....

abraçao

DoUgLaS BaRrAqUi disse...

Ola meu caro amigo Paulo
parabéns pelo fantástico trabalho
em seu blog...
e gostaria de dizer que já está em minha lista de blogs e também já sou seu seguidor,,,vez outro estarei dando minhas passadelas.

um grande abraço p/ ti!
fique bem, fique com Deus!
e muitas alegrias em decorrência do sucesso!

REGGINA MOON disse...

Paulo,

Ótimo texto!!É sempre muito bom vir aqui ler o que escreves...sempre oportuno e nos faz pensar...

Grande abraço,

Reggina Moon

José disse...

Paulo

A gente aqui custuma dizer que uma mâo lava a outra.

E eles com uma mão tapem o que a outra faz.

sempre muito opertunos os teus textos

abraço

FIOTTI disse...

perfeitooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooo fioti

adorei
vou te seguir de hj em dia
vc me abriu os olhos sabia com esse texto

ameiiiiii